Untitled Document
SEXTA-FEIRA, 16 DE ABRIL DE 2021
11 de FEVEREIRO de 2021

Fátima do Sul-Durante “Operação Malleus” integrante do PCC morre em confronto com a Polícia

Wanderson Santos de Jesus, 23 anos, conhecido como Dadinho, morreu em confronto com a Polícia

 

Na manhã desta quinta-feira (11/2), o Ministério Público de Mato Grosso do Sul, representado pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), com o apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar, do Batalhão de Choque e do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, deflagrou a Operação “Malleus” para dar cumprimento a 32 mandados de prisão preventiva e a 14 mandados de busca e apreensão expedidos pela 1ª Vara Criminal de Campo Grande.

Os alvos da operação são integrantes da organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) que atuam em Campo Grande, Dourados, Ribas do Rio Pardo, Deodápolis, Fátima do Sul, Jateí, Caarapó e também no Estado do Ceará, praticando assassinatos, assaltos e tráfico de drogas.

Parte desses alvos participa ativamente de “Tribunais do Crime”, como são chamadas pela organização criminosa as conferências realizadas para aplicação de punições a membros faltosos ou a integrantes de facções rivais.

No curso da investigação foi apurado que, durante estas conferências, além de ter sido debatido o assassinato de um Delegado de Polícia e de Policiais Militares, houve integrantes da organização que, por determinação de um dos alvos das ordens de prisão, sequestraram e executaram barbaramente uma jovem com golpes de picareta e com pedradas na cabeça, por acreditarem que ela poderia fazer parte do Comando Vermelho.

Na manhã dessa quinta-feira, a equipe de policiais do Batalhão de Choque fazia buscas em uma residência alvo da operção na cidade de Fatima do Sul, se deparou com Wanderson Santos de Jesus, de 23 anos, conhecido como Dadinho, em um dos cômodos da casa.

De acordo com o boletim de ocorrência, ao receber ordem para colocar as mãos na cabeça, Wanderson se armou com uma arma de fogo e apontou em direção aos policiais.

Foram então feitos disparos contra o suspeito, que ao ser atingido foi desarmado e levado pela equipe ao hospital do município, onde morreu. Segundo registro policial, considerado de alta periculosidade e suspeito de cometer vários crimes, Wanderson era membro do PCC e tinha função de confiança dentro da facção criminosa. Na casa, foram apreendidos 40 porções de maconha, revólver calibre 22 com 5 munições. No local, foi presa uma mulher de 22 anos, com mandado de prisão em aberto.

Natural de Canavieiras, na Bahia, Wanderson tinha passagens em Mato Grosso do Sul por dano qualificado, direção sem permissão e porte de droga.

Operação “Malleus”

Foi dado à operação o nome de “Malleus”, em referência ao manual inquisitorial que previa formas de inquirição e castigos corporais severos, espécie de bíblia da caça às bruxas.

 



Fonte: MSNEWS



» VEJA TAMBÉM!
GERAL  16/04/2021
Senado aprova uso de verbas de saúde por estados e municípios
GERAL  16/04/2021
Proposta prevê apenas uma concessionária para cada trecho ou rodovia federal
GERAL  16/04/2021
Oposicionistas apoiam decisão de Rosa Weber de suspender partes de decretos sobre armas
GERAL  16/04/2021
Oposicionistas apoiam decisão de Rosa Weber de suspender partes de decretos sobre armas
POLíCIA  16/04/2021
Iguatemi - Polícia Militar frustra roubo de caminhonete e prende autores
Untitled Document
TáNaMídia Naviraí
Editor: Umberto Cardoso (Zum)
E-mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Endereço: R. Jamil Salem, 27 CENTRO
Naviraí - MS - Brasil
+55 67 9956-1909