Editor: Umberto Cardoso
zum@tanamidianavirai.com.br
+55 67 9956-1909
POLíCIA
03/07/2012 14h25min
Mulher encontra homem na janela de casa, prestes a estuprar duas meninas
Ao visitar uma amiga na rua Terra Vermelha, bairro Jardim Noroeste, em Campo Grande, por volta das 10h30 desta terça-feira (3), Rosimeire dos Santos, que é mãe de uma menina de 11 anos, foi surpreendida com um homem que estava na janela, prestes a estuprar duas crianças e já praticando ato obsceno.

“Vi ele da janela e não sabia que a intenção era atacar as crianças. Como a minha filha e a da minha amiga, que é uma menina de cinco anos, estavam brincando no computador, achei que ele queria roubar o notebook, mas só depois que fui saber pelo meu irmão que ele estava se masturbando”, fala Rosimeire.

A vítima conta que gritava e mesmo assim o homem continuava no mesmo lugar, encarando a ela e as crianças. “Foi o momento que a Damaris de Souza (dona da casa) entrou em contato com um irmão dela e ele foi nos salvar. Em pouco tempo eles chegaram e começaram a perseguir o homem”, explica Rosimeire.

Dois irmãos da vítima entraram na casa e o homem fugiu. Eles correram pelas ruas do bairro e os policiais do Pelotão Noroeste já estavam a caminho.

“O homem estava com uma faca e visivelmente sob efeito de drogas. Corremos muitas quadras e conseguimos deter ele em uma casa, escondido debaixo da cama”, contam os irmãos Josias de Souza, 35 anos e Jesaias de Souza, 29 anos.

Os homens do 9° BPM (Batalhão da Polícia Militar) também chegaram na mesma hora e prenderam o autor em flagrante. Ele foi encaminhado para a Depca (Delegacia Especializada de Proteção a Criança e o Adolescente), juntamente com as vítimas que estavam na casa e os “irmãos heróis”.

Na Depca, o homem se identificou como André Luiz da Silva Campos, 26 anos. Os policiais investigam neste momento a sua verdadeira identidade para registrar a ocorrência, onde o homem pode ser indiciado por estupro de vulnerável.

“Mesmo não praticando o ato, nem encostando nas crianças, o homem já estava dentro de uma propriedade particular e o delegado irá indiciá-lo de acordo com o crime. Uma perícia também vai analisar se havia esperma na faca que estava em sua posse”, conclui um investigador.

TAGS: Mulher, Estupro, Janela

Fonte: Midiamaxnews

Umberto Zum
PUBLICOU: Umberto Zum
E-Mail: zum@tanamidianavirai.com.br
Siga: @tanamidianavi

Comente a Notícia
Publicidade Inviolável
mais noticias